É Aotearoa, sinto sua falta.

É engraçado e clichê, mas como o tempo passa rápido, não é?

 

Eu esperei dias para a viagem dos meus sonhos e parece que ela só durou algumas horas. Felizmente ela vai durar para sempre na minha memória, nos meus sonhos e na minha pele.
Uma coisa que eu percebi nessa minha jornada a Nova Zelândia é que as pessoas não viajam para conhecer lugares e sim para conhecer a si mesmos, para se desafiar e se arriscar. Hoje eu paro para pensar no porque somos tão diferentes quando estamos longe de casa, porque precisamos sair da nossa cidade para se aventurar? Será que temos medo de ser quem somos ou medo do que os outros podem pensar?
Eu só sei que eu me encontrei. Me encontrei em uma cidadezinha chamada Paihia em quanto pulava de um avião. Me encontrei quando andava sozinha olhando o lago Tekapo. Me encontrei.
Voltando para o inicio do Post, ''é engraçado e clichê, mas'' nós assistimos The bucket list em quanto voltávamos de Milforsounds. Eu notei que boa parte dos itens da minha lista não eram tão importantes quanto estar disposta a superar medos. Isso realmente é/foi o mais importante de tudo.
h

DCIM100GOPROG0019318.

Mas reflexões a parte, eu queria contar um pouco sobre um lugar chamado bay of islands.
Esse lugar maravilhoso fica no topo da NZ, na ilha norte e foi a segunda parada da minha viagem. Bay of islands é assim conhecida pois é formada por 144 ilhas e foi por onde os ingleses chegaram e conquistaram Aotearoa - Mais conhecida com Nova Zelândia.
Okahu, Waewaetorea, Motukiekie, Moturua, and Urupukapuka Islands
hh
 
Lá, no paraíso, eu fiquei em uma cidade chamada Paihia e peguei um ônibus até Cape Reinga, o topo da NZ. A viagem durou aproximadamente 5 horas, ida e volta, e a cada minuto eu me espantava mais com tamanha beleza. Praias, dunas, um farol no topo de uma montanha - Qualquer semelhança com Florianópolis é mera coincidência.
jaHSKjh

DCIM100GOPRO

Bay of islands foi o começo da minha viagem, mas é um dos meus três lugares preferidos na terra media. Bay me deu amigos novos, me apresentou o tal do hostel e me fez sentir em casa.
 
 É Aotearoasinto sua falta.

Comentar via Facebook

Comentário(s)

0 Responses

  1. […] É AOTEAROA, SINTO SUA FALTA. […]

Leave a comment