MOMEM – O museu da música eletrônica

Não é todo mundo que gosta de museus ou de música eletrônica, não é verdade? Mas e você, gosta ou não?

Mas porque eu estou te perguntando isso? Pois pela primeira vez, na Alemanha (Tinha que ser né), será inaugurado um museu inteiramente dedicado a música eletrônica, Techno e a sua origem.

MOMEM, Museum Of Modern Electronic Music como foi chamado.

‘’Uma jornada do começo, sobre o hoje, para o futuro. ’’

"Journey from the beginnings, about today and into the future".

electronicbeats.net

Todos os amantes da musica eletrônica sabem como a presença da mesma é forte na Alemanha, principalmente em Berlim conhecida como a Capital Underground onde após a queda do muro e a mistura dos lados oriental e ocidental, passou a ter vários Clubs abertos dentro de antigas fabricas e prédios abandonados.

img9

Berghain é um exemplo atual das casas underground alemãs. Construída dentro de uma antiga central nuclear é conhecida como uma das baladas mais difíceis de entrar no mundo. A casa mantém o ar underground com espaços dentro de caixas de metal, banheiros unissex e darkroons sem falar que as festas lá começam na sexta e terminam no domingo.

sven_web-890x1024

MOMEM por Helóra Almeida

Mas não se preocupe, não existem espelhos na casa, então ninguém se assusta com sua cara de zumbi.

Mas voltando ao museu, esse vai ser aberto em 2017 mas data exata contínua um mistério. A Proposta é que o museu conte a história da música eletrônica do início a atualidade e mostre como esse estilo musical mudou e influenciou a cultura contemporânea.

momem_turntable

‘’No coração de Frankfurt, um memorial de história cultural contemporânea vai surgir.
A história que se origina da nossa cidade.
A história que aprimorou a cultura pop e da música.
Consequentemente sempre em referência à sociedade tecnológica eletrônica.

‘’In the heart of Frankfurt, a memorial of contemporary cultural history
will emerge.
A history which originates from our city.
A history which enhanced pop culture and music.
Consequently always in reference to a technologized electronic society.’’

Talla 2XLC, ou Andreas Tomalla é um DJ e produtor alemão que viajou a vários lugares ensinado sobre a cultura Techno, a partir disso ele quis criar um projeto onde fosse possível educar os locais e os turistas sobre a história da música e também da cultura pop, visto que o assunto era de interesse de muitos jovens.

Talla e Alex Azary, co fundador do museu, passaram dois anos procurando o lugar perfeito para montar o primeiro museu do mundo dedicado a música eletrônica. A demora compensou, pois o local do MOMEM ficara no coração de Frankfurt, local com um fluxo diário de 150 mil pessoas, é muita gente.

the-gate_night_web

momem_konzeptplan

Mapa do museu

Segundo Alex Azary o conteúdo do museu será rico e não se delimitara só a música em si. O museu vai mostrar a música eletrônica e todos os movimentos que ela influenciou como a arte, o design gráfico, o grafite, moda e a lista contínua.

MOMEM por Helóra Almeida
Fora isso, você vai encontrar no museu lugares onde será possível criar música ou usar um Mixer antigo, por exemplo. Eles querem mostrar como é possível a integração dos instrumentos antigos com os modernos e criar música de um jeito diferente.
O museu também será sala de aula para DJs, com workshops e cursos e palco para apresentações ao vivo. Quer mais o que?

"The MOMEM is not a museum. No museum in the classical sense. It is a place in the here and now. An experience which sensitizes for many electronic aspects of life: sound, fashion, apps, club culture, interaction."

" O MOMEM não é um museu. Não é um museu no sentido clássico, comum. É um lugar aqui e agora. Uma experiência que sensibiliza muitos aspectos eletrônicos da vida: som, moda, aplicativos, cultura clubber , interação’’
MOMEM por Helóra Almeida

No coração de Frankfurt, o MOMEM também será um lugar para integrar pessoas com gostos e amores semelhantes; A música eletrônica.

Se quiser saber mais, entra ai!

MOMEM SITE

MOMEM FACEBOOK

E ai, o que achou? Eu curti muito a ideia e quero conhecer já.

Movimentos culturais como esse são simplesmente inspiradores, abrem a mente das pessoas que não reconhecem todos os estilos de música como arte e movimento de expressão pessoal e social.

Comentar via Facebook

Comentário(s)

No Comments Yet.

Leave a comment